{Primeiros Passos - A walk around the lake

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

{Primeiros Passos - A walk around the lake

Mensagem por Convidado em Qua Mar 04, 2015 7:46 pm

Relembrando a primeira mensagem :

1. narração

Era mais um  dia comum – ou não tão  comum assim – no Acampamento Meio-Sangue. O local onde o clima era sempre ameno, as flores sempre belas e a fauna sempre viva, todavia a situação, naqueles últimos dias, estava mudada: plantar morangos se tornara uma tarefa mais do que difícil; adentrar na floresta e encontrar animais e vegetais mortos ou caminhando para tal final se tornavam cenas cada vez mais comuns. Havia algo errado e a solução era necessária, ou então todos ali correriam sérios riscos.

A chuva caia, não era uma tempestade mas era suficiente para deixar algumas poças d’água no chão. A temperatura era agradável, cerca dos 37 graus.  A noite já havia caído, as estrelas e a lua estavam ocultas pelas nuvens carregadas. O refeitório estava cheio, como na maioria das vezes. Tudo seguia como o protocolo, campistas sorrindo, conversando e, obviamente, comendo. Junto com os semideuses estava Quíron e o Sr. D. observando tudo e dando boas vindas aos recém-chegados. Foi quando algo chamou a atenção de todos os presentes: quatro dentre todos aqueles jovens que se encontravam na mesa dos filhos de Hermes, onde os indefinidos se sentavam, ficaram diferentes, cada um de uma forma.

O primeiro deles foi Adrian, que fora surpreendido com a chegada de uma coruja em seu ombro, o animal trazia consigo um pequeno galho de uma oliveira. Havia sido reconhecido por sua mãe, a deusa da sabedoria, Atena.

O segundo, ou melhor, a segunda, era Claire Eisenhardt, que também fora visitada por uma ave, porém não era uma coruja, mais sim uma águia, que ao repousar sobre a cabeça da jovem, emitiu uma espécie de grito. Esta semideusa acabava de ser reclamada pelo poderoso Zeus.

O terceiro, Richard Rider, tivera uma aceitação um pouco diferente, quando foi jogar parte de sua janta na lareira, a mesma “respondeu” e, logo em seguida, a marca das chamas estava exposta no braço esquerdo do jovem. Fora abençoado por Héstia.

O quarto e último, mas não menos importante, era o jovem Samuel Parker. Que fora iluminado por uma aura dourada e, então, o símbolo do sol junto a um arco surgiu em sua testa. Era, a partir de então, oficialmente um filho de Apolo.

Esses quatro jovens receberam aplausos e abraços, inclusive do próprio Quíron, que desejou os seus “parabéns” a cada um deles. Era uma noite de comemorações, sim, mas não apenas isso. Um sátiro chegou ao recinto atrapalhando a festa dos adolescentes, sussurrou algumas  palavras no ouvido do centauro, cujas feições imediatamente mudaram. O mesmo chamou aos quatro novos  reconhecidos e, discretamente, lhes disse:

– Foram encontradas irregularidades nos arredores do lago. Vão dar uma olhada, depois podem comemorar em paz.

2. Situação


Adrian Holbrook
PV: 240/240
PM: 240/240
PR: 240/240

Claire W. Eisenhardt
PV: 260/260
PM: 260/260
PR: 260/260

Richard N. Rider
PV: 280/280
PM: 280/280
PR: 280/280

Samuel Parker
PV: 260/260
PM: 260/260
PR: 260/260

3. Off-Game

 Dois dias para postar.
 Postem a reclamação de vocês, o recebimento da missão e  a ida até o local, não a chegada.
 Todo poder deve ser posto em spoiler no fim do post, sempre que entrarem em combate é permitido usar apenas 3 ativos por turno.
 Todas as armas que estão sendo carregadas devem ser citadas em spoiler no fim do primeiro post ou serão desconsideradas.

p
r
i
m
e
i
r
o
s

p
a
s
s
o
s
Convidado

Convidado

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: {Primeiros Passos - A walk around the lake

Mensagem por Claire W. Eisenhardt em Sab Mar 21, 2015 12:20 pm





a rose
by any other name would smell as sweet
A criatura estampava um sorriso doentio em sua face. Parecia saber que havia algo a mais, uma surpresa em seus golpes que os semideuses não sabiam. E havia. O grito vindo do cão infernal ecoou pelo ambiente e, logo depois, as esferas de fogo de Richard colidiram com as órbis do inimigo, o que resultou numa explosão.

Claire notou a dor do quadrúpede por suas queimaduras antes de sentir o ardor em sua pele. Seu braço esquerdo apresentava uma leve queimadura, mas apesar da dor inicial, a garota sentiu-se aliviada por não ter machucado-se em demasia. Tanto a semideusa quanto Richard foram levados para trás, mas o Protegido de Héstia havia colidido com força contra uma árvore, o que a fez desejar que este não tivesse se machucado tanto.

Ela ignorara a dor da queimadura em seu braço. Enquanto caminhava para o local da explosão onde estava anteriormente, notara que Richard andava de um modo um tanto estranho. Simplesmente soube que o campista sentia dor. Era perceptível, aliás.

Estou bem. — respondeu, apertando o punho de sua espada. A lâmina refletia uma coloração azulada.

Claire concordava com o Protegido de Héstia, afinal, nenhum dos três campistas sabia do que a criatura era capaz. Samuel estava fazendo um bom trabalho contra o cão enquanto Richard tentava lançar mais esferas de fogo — ele parecia buscar energia dentro de si. Aquela cena acionou algum gatilho na mente da garota, como se ligassem uma luz ali dentro. Precisava distrair o inimigo para que as esferas o acertassem.

Andejou com passos firmes a frente, apesar de não ter aproximado-se tanto assim do adversário. Estendeu a palma de sua mão esquerda enquanto as esferas de fogo eram projetadas pelo Protegido de Héstia. Um brilho começou a surgir e, gradativamente, aumentou de intensidade. Na verdade, Claire não sabia o que aquilo era nem por que estava o fazendo, mas imaginou que aquilo atrapalharia a visão da figura horrenda.


Arsenal:
• Espada Elétrica [Bronze Celestial // Uma espada de bronze celestial com a empunhadura envolta em couro. Sua lâmina encantada, ao contrário do metal que lhe dá origem é de coloração azulada e sempre que toca o inimigo libera correntes elétricas que aumentam o dano de seus golpes. Quando não está sendo usada, transforma-se em um anel de prata com o símbolo de um raio // Presente de reclamação de Zeus]. Ativado.

• Luvas Taurinas [Bronze Celestial // Um par de luvas de bronze celestial que protegem as mãos e o antebraço. Quando não estão em uso, disfarçam-se em duas pulseiras iguais, uma em cada pulso. Ao serem ativadas, dobram a força física do semideus // Presente de reclamação de Zeus].
Poderes:
Passivos:
[Nível 03] Agilidade – O filho de Zeus possui uma agilidade de movimento, pois os ventos parecem ajuda-lo, abrindo o caminho e também impulsionando-o em seus movimentos.

Ativos:
[Nível 02] Relâmpago – O filho de Zeus estende a palma da mão e da mesma, emitirá um brilho forte, que atrapalhará a visão do inimigo e o desnorteará.
Gasto: 15 PM.
Observações:
O post tá bem mais ou menos, peço desculpas. Estou viajando e escrever pelo celular não é o meu forte.



Progênie de Zeus
Progênie de Zeus
avatar
Claire W. Eisenhardt
Idade : 21

Ficha do personagem
PV:
360/360  (360/360)
PM:
360/360  (360/360)
PR:
360/360  (360/360)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Primeiros Passos - A walk around the lake

Mensagem por Convidado em Sab Mar 21, 2015 1:43 pm

1. Narração


Ninguém esperada o ocorrido, a surpresa era evidente em ambos os lados, porém não havia tempo para isso, eles tinham que agir rápido. E foi o que todos, sem exceção, fizeram. O protegido de Héstia, mesmo com duas de suas costelas quebradas, se ergueu e, buscando força em sua mente e dentro de si, fez com que, novamente, três esferas de chamas começassem a surgir.

Enquanto isso, Samuel também se colocava preparado  para agir, atirou três flechas contra o cão, que era o oponente que estava mais lhe ameaçando e, também, mais ferido. A primeira flecha acertar o olho direito da criatura, que rugiu de dor. A segunda, passou de raspão, devido ao fato de o animal ter começado a sumir nas sombras. E a terceira, falhou.

A criatura reapareceu a mais ou menos um metro, surgindo do chão e fazendo movimentos para cortar/agarrar a lateral da perna esquerda do jovem, para, em seguida, mordê-la. O semideus teria que fazer algo, ou então sofreria as conseqüências da investida daquele ser.

Enquanto isso, Claire apoiava Richard, fazendo o que podia para que o golpe de seu companheiro de “time” acertasse suas esferas flamejantes. O Corrompido avançava na direção dos semideus, novamente parecendo estar mais próximo do que realmente  estava, sua intenção era atacar fisicamente, porém teve sua visão prejudicada devido à luz criada pela prole de Zeus. Dessa forma, ele parou e colocou os braços em formato de X enfrente aos olhos, agora fechados. Nesse momento o fogo voou e atingiu o oponente, causando graves queimaduras.

2. Situação

Claire W. Eisenhardt
PV: 240/260
PM: 230/260
PR: 250/260

Richard N. Rider
PV: 240/280
PM: 100/280
PR: 265/280

Samuel Parker
PV: 220/260
PM: 235/260
PR: 250/260

Cão Infernal
PV: 30/150
PR: 80/150

Corrompido Vidente
PV: 50/120
PM: 100/120
PR: 100/120

3. Off-Game

-> 48 horas para postar, nem um minuto a mais. Isso é para ajudar vocês, a missão está andando devagar e se continuar assim será falha.
-> Todo poder deve ser posto em spoiler no fim do post, sempre que entrarem em combate é permitido usar apenas 3 ativos por turno.
-> Todas as armas que estão sendo carregadas devem ser citadas em spoiler no fim do primeiro post ou serão desconsideradas.
-> Da mesma forma que EU não narro as emoções ou reações de VOCÊS antes dos  seus posts, VOCÊS não narram a luta. Como assim tia? Quem diz se acertou um golpe sou eu. Quem diz se o  ferimento foi grave ou não sou eu. Se eu falar que alguém quebrou o braço, a pessoa não vai mexer esse braço.
->Caso precisem de mais tempo para postar me mandem uma mp ou mensagem no wpp, skype ou face, com pelo menos 12 horas de antecedência avisando do motivo que eu acrescentarei algum tempo. Por que todo esse tempo? Simples, você não está sozinho na missão, seus companheiros terão que ser avisados.
-> Qualquer dúvida mp/skype/face/wpp...
-> Eu deixei, no primeiro post, em aberto se vocês se conheciam ou não, isso era com vocês. Devido ao post, ficou claro que não, então não me venham com um combo bolado de um sabendo o que o outro ia fazer, por favor.
-> Tem como escaparem dos golpes, todos os três, porém sejam coerentes, por favor.
-> Se eu não conseguir postar no mesmo dia que vocês é pelo simples motivo de que comecei a faculdade, então algumas coisas ainda estão fora de ordem.
p
r
i
m
e
i
r
o
s

p
a
s
s
o
s
Convidado

Convidado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Primeiros Passos - A walk around the lake

Mensagem por Samuel Parker em Dom Mar 22, 2015 12:15 pm


I'M A STAR, BABY




Devo admitir que nunca fiquei com medo. Pelo menos não com tanto medo assim. Cheguei a fazer caretas de desespero cômicas perante a fera. Ela rangia os dentes e movia-se rapidamente em direção de minha perna. Ela estava ao meu lado, e eu estava sem nada. Segurava apenas uma flecha. Não sabia o que fazer, não havia tempo. Se eu fosse pegar a flecha e colocar no arco, iria morrer. Se eu fosse ativar a barreira de calor, iria morrer. Apenas havia tempo para fazer uma única coisa: morrer. E talvez tenha sido uma boa escolha. Peguei a flecha e, segurando firme, me virei rapidamente contra a fera. Segurava a flecha com tanta força que temia quebrá-la. Minha intenção era, no momento em que me virasse, cravar a flecha no outro olho da fera. Além de dar uma dor fortíssima, iria tirar total visão: ela já estava atordoada com a luz e, no turno anterior, havia atingido uma flecha no seu olho direito.

Não me importava em falhar, não me importava em morrer. Sabia que tudo o que eu fizera seria, até então, mera bobagem. Samuel Parker nunca fizera nada de importante. Samuel Parker desperdiçara toda sua vida com garotas, bebidas e beleza. Nunca se importara com ninguém, nunca se importara com nada. Samuel não queria mais saber de nada.

Samuel vira o fim do túnel.

Spoiler:
OBSERVAÇÕES:
#PARTIU #MORRER
ARMAS:
• Arco Flamejante [Bronze Celestial // Arco forjado em bronze celestial e extremamente leve que se torna um anel quando não está em uso. É capaz de encantar as flechas com calor intenso, aumentando o dano e podendo causar queimaduras ao atingir seu alvo // Presente de reclamação de Apolo]. ATIVO / Na mão direita de Samuel Parker.
- 30 Flechas [Bronze Celestial e Madeira // Flechas encantadas com ponta de bronze celestial que, duas vezes por missão podem tornar-se vultos diante da visão do inimigo, tornando-se praticamente imperceptíveis a olho nu // Presente de reclamação de Apolo]. ATIVO / Na 'bolsa' de flechas presente nas costas de Samuel Parker.

• Luvas Solares [Bronze Celestial // Luvas feitas em bronze celestial que são capazes de gerar ao redor do usuário uma barreira de calor, queimando tudo que se aproxima, desde flechas à outros semideuses, a barreira dura um turno e pode ser usada duas vezes por missão. Transformam-se em pulseiras quando não estão em uso // Presente de reclamação de Apolo]. ATIVO
PODERES:
[Nível 01] Beleza Esculpida – Assim como seu pai é o deus da beleza e da perfeição, os filhos de Apolo tendem a ser belíssimos, os corpos bem definidos e trabalhados, como uma benção natural.

[Nível 03] Perícia com Arcos – O filho de Apolo possui desde seus primeiros dias uma afinidade anormal com o Aaco, sendo sempre melhor do que os outros nessa modalidade.

[Nível 09] Mira Impecável – O filho de Apolo possui uma mira impecável, seja pra curta, média ou longa distância, não importando o que vá fazer, seja atacar ou lançar algo, raramente erra seu alvo.

[Nível 04] Flecha de Luz – O filho de Apolo encanta uma de suas flechas e a atira. O projétil emite um brilho como se refletisse a luz solar, atrapalhando a visão do inimigo e dificultando a evasão.
Gasto: 5 PM




copyright 2013 - All Rights Reserved for [url=http://cupcakegraphics.forumeiros.com/u1] ✖ Lari
Progênie de Apolo
Progênie de Apolo
avatar
Samuel Parker
Idade : 21

Ficha do personagem
PV:
460/460  (460/460)
PM:
460/460  (460/460)
PR:
460/460  (460/460)

Ver perfil do usuário https://www.youtube.com/user/cueiozumbi

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Primeiros Passos - A walk around the lake

Mensagem por Richard N. Rider em Dom Mar 22, 2015 8:12 pm

A WALK AROUND THE LAKE
RICHARD RIDER, THE NOVA + Claire Eisenhardt, Samuel Parker ___Vs ___O Corrompido Vidente

Ser um semideus é a causa de certos efeitos colaterais. Um deles, como eu já citei, é a empatia. Ler, muitas das vezes involuntariamente, as emoções das pessoas. Porém, eu não sou um semideus – no significado puro da palavra. Sou um mortal gente boa que despertou a simpatia de uma deusa. Ao menos, eu acho que é isso. Vou perguntar pra ela, se algum dia eu a vir.

Então, efeitos colaterais. Outro deles é o fogo. Eu consigo produzir e controlar o fogo, a rápida oxidação de materiais no processo químico exotérmico da combustão, liberando calor, luz, e vários produtos resultantes da reação, sendo a chama a porção visível desse fogo. Considerando essa a descrição técnica, eu poderia dizer que, na prática, eu sou um lança-chamas humano.

Claro, isso é ótimo. Principalmente se considerarmos que eu sou invulnerável à combustão, o que me torna um perfeito recruta para o corpo de bombeiros. Fora alguns momentos onde eu estou distraído – como quando na vez eu que eu, acidentalmente, botei fogo em uma feira de rua em Bogotá –, a pirocinese é incrivelmente útil. Como na minha primeira missão do Acampamento Meio-Sangue.


--------------------------------------------


No meio de uma sequência de explosões e clarões, teletransportes nas sombras, ilusões espaciais, tudo o que eu conseguia pensar era: “Dói. Pra cacete.”

Pra você que acabou de sintonizar no canal, estávamos em batalha. Claire, filha de Zeus. Samuel, filho de Apolo. Um cara muito esquisito havia invadido o acampamento – se aproveitando da situação lastimável na qual o lago de canoagem estava –, e nós o surpreendemos. Conversa aqui, conversa ali, e começou a briga. Pá e panz, houve uma explosão. Fui jogado para trás, duas costelas quebradas.

Eu levantei, andei por alguns metros – cuspindo caretas e babando sangue –, entrei em chamas, babei mais sangue, e joguei três pelotas de fogo no nosso adversário – que eu estou chamando de cavaleiro negro, porque ele me lembra alguém. Ao mesmo tempo, Claire projetou alguma forma de luz, que pareceu cegar o cavaleiro. Ele parou, desnorteado, e minhas esferas o atingiram em cheio. Foi ai que eu vi uma oportunidade única.

Mordi minha língua forte, para tentar disfarçar a dor das costelas, e me desloquei para começar uma corrida. A dor dos ossos quebrados me alcançou outra vez, ameaçando parar meus movimentos. Senti outra vez o sangue na boca, outra vez a pressão na parede do estômago. Estava mais complicado intercalar tantas coisas, a tentativa de correr, controlar o fogo, calar as emoções superficiais que inundavam o ar.

Então, eu deixei tudo ir. Meus sentidos foram sobrecarregados pela dor e ansiedade dos outros. O fogo deixou os meus braços, diminuindo até a forma de pequenos focos que crepitavam em diferentes pontos do corpo. Por um segundo, o desprazer das costelas pareceu... Normal. E, esse segundo, eu fiz questão de aproveitar.

Joguei o peso do corpo para frente, obrigando meu corpo a movimentar a perna para não cair. A partir daí, continuei movendo o outro pé, depois o outro, depois o outro... Uma corrida, na direção do cavaleiro. Naquele momento que estivesse distraído, porém, esse “momento” poderia não durar muito tempo. Eu precisava de algo mais chamativo para me ganhar o tempo necessário. Passei a espada para a mão direita, estendendo a esquerda para frente, e invoquei mais fogo. Muito mais fogo. Ordenei a torrente de chamas que girassem e crescessem à minha frente, formando uma parede brilhante.

O sangue alcançou minha boca outra vez, e eu senti a dificuldade nos movimentos. “Talvez eu não consiga chegar lá tão rápido”, pensei. Ainda faltavam alguns metros, metros essenciais. Conjurei mais três esferas de fogo pela palma da mão esquerda – o que resultou no equivalente à um soco no estômago –, que seguiriam em linha reta para acertar o cavaleiro.

Eu continuaria correndo. Apesar da dor, apesar os constantes avisos neurológicos. Eu só precisava chegar perto, só um golpe de espada. Não na cabeça – matar o cara não resolveria o problema original, só o problema da luta –, era um golpe na perna. Um golpe profundo na perna, que o impedisse de fugir ou continuar a luta. Se o cara conseguiu invadir o acampamento ao se aproveitar dos danos no lago de canoagem, talvez ele tivesse alguma resposta do que havia feito aquilo. Talvez, ao menos, uma pista.

Mas isso tudo sou eu me adiantando. Primeiro, eu precisava chegar até ele, e executar o golpe com a espada. Depois, nós vemos o que fazer.

"welcome to the nova corps 2.0" - by anxes, handmade for role-playing with "richard n. rider"

RESUMÃO


Richie tentando suprimir a dor das costelas pra correr, criar parede de fogo, jogar bola de fogo. Pra, no fim, cortar a perna do vidente -q

OFF TOPIC


Hum... Nada não. Só tentando adaptar o template de post pro novo layout de hq do Richie

ARMAS USADAS


Espada Flamejante [Bronze Celestial // Espada forjada em bronze celestial com a lâmina alaranjada. Possui a capacidade de se transformar em um anel quando não está em uso. Sua lâmina é encantada, permitindo que a arma entre em combustão instantânea, cobrindo-a com fogo e potencializando o dano // Presente de reclamação de Héstia]. ATIVO E EM CHAMAS

Couraça [Bronze Celestial // Peitoral de armadura forjado em bronze celestial, disfarçando-se de um pequeno broche com o desenho de uma chama quando não está ativado. Possui a capacidade de, uma vez por missão, criar um círculo de fogo ao redor do semideus que derrete tudo que se aproxima, inclusive metais mais fracos que o da própria couraça. Não derrete bronze celestial ou ferro estíge, mas queima também a pele humana devido ao calor // Presente de reclamação de Héstia]. ATIVO

PODERES USADOS

[Nível 03] Empatia – Os protegidos de Héstia possuem uma sensibilidade no sentido de sentimentos, portanto, são capazes de perceber as emoções e sentimentos de todos ao seu redor com apenas um olhar. [Emotional junk²¹¹]

[Nível 10] Pirocinese – Os protegidos de Héstia possuem a habilidade de controlar as chamas. [Usado pra fazer uma “parede de fogo” pra distrair o nego -q]

[Nível 06] Imunidade ao fogo – Os protegidos de Héstia são imunes à altas temperaturas, nunca sofrerão queimaduras e terão imunidade completa ao fogo.

[Nível 10] Bolas de Fogo – O protegido de Héstia poderá criar três bolas de fogo com a mão e atirá-las como quiser no inimigo, todas de uma só vez ou não. O dano será por queimadura.
Gasto: 50 PM
[ÊÊÊÊÊÊh, meu ataque preferido!!! -q]






Essa é Fala (000066) | Fala também (BD8500)
Protegido de Héstia (D96300)

The Nova (D96300)
Protegidos de Héstia
Protegidos de Héstia
avatar
Richard N. Rider
Título : Novato
Fama : Guardião

Idade : 23

Ficha do personagem
PV:
560/560  (560/560)
PM:
560/560  (560/560)
PR:
560/560  (560/560)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Primeiros Passos - A walk around the lake

Mensagem por Claire W. Eisenhardt em Dom Mar 22, 2015 9:05 pm





a rose
by any other name would smell as sweet
O cão demonstrava sua fúria contra a prole de Apolo. Claire gostaria de ajudar o semideus, mas havia a criatura a sua frente para lidar. As esferas de fogo iam em direção a seu alvo e, no momento que o inimigo formou um ‘’x’’ com os braços para tentar escapar da luz forte que a semideusa emitia da palma de sua mão, o fogo o atingiu, e com berros de dor deste os semideuses conseguiram perceber que seu ataque havia sido solícito.

Claire sentiu um sentimento diferente preenchê-la, algo como o gosto da superioridade, o gosto de vencer, de conseguir obter êxito na batalha. E ela estava adorando aquilo, tanto que quase esqueceu da dor não tão forte assim em seu braço devido a queimadura. Viu Richard correr diretriz ao cavaleiro, sua parede de fogo e mais esferas lançadas. Rolou seu olhar pelo ’’campo de batalha’’. O cão infernal parecia prestes a vencer Samuel. Richard pode se virar sozinho um pouco, era o que a semideusa achava, e com esse pensamento correu para a prole de Apolo sendo atacada pela criatura negra.

Ergueu sua espada, um grito ecoou em sua garganta enquanto corria. Caso o semideus não acertasse a flecha, poderia ao menos ter êxito em seu ataque surpresa. Aproximava-se, era boa em corridas, ágil. O quadrúpede estava ocupado tentando morder o outro, e nesta brecha a garota tentou cravar sua espada elétrica nas costas do animal. Ergueu os braços, concentrou toda sua força naquele momento e esperou.


Arsenal:
• Espada Elétrica [Bronze Celestial // Uma espada de bronze celestial com a empunhadura envolta em couro. Sua lâmina encantada, ao contrário do metal que lhe dá origem é de coloração azulada e sempre que toca o inimigo libera correntes elétricas que aumentam o dano de seus golpes. Quando não está sendo usada, transforma-se em um anel de prata com o símbolo de um raio // Presente de reclamação de Zeus]. Ativado.

• Luvas Taurinas [Bronze Celestial // Um par de luvas de bronze celestial que protegem as mãos e o antebraço. Quando não estão em uso, disfarçam-se em duas pulseiras iguais, uma em cada pulso. Ao serem ativadas, dobram a força física do semideus // Presente de reclamação de Zeus].
Poderes:
Passivos:
[Nível 03] Agilidade – O filho de Zeus possui uma agilidade de movimento, pois os ventos parecem ajuda-lo, abrindo o caminho e também impulsionando-o em seus movimentos.
Observações:
Post pequeno, whatever.



Progênie de Zeus
Progênie de Zeus
avatar
Claire W. Eisenhardt
Idade : 21

Ficha do personagem
PV:
360/360  (360/360)
PM:
360/360  (360/360)
PR:
360/360  (360/360)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Primeiros Passos - A walk around the lake

Mensagem por Convidado em Seg Mar 23, 2015 2:35 pm

1. Narração


A luta estava chegando ao seu fim. O filho de Apolo usou de uma de suas flechas para acertar o olho do cão infernal, que já abatido, deu alguns passos para trás, mas não antes de arranhar gravemente a perna do semideus, que gritou de dor.

Claire, por sua vez, resolveu ajudar Samuel, avançando contra a criatura e desferindo-lhe o golpe fatal. O animal gritou e, depois de alguns segundos, desapareceu, virou pó. Agora só faltava um dos desafiantes, o mais forte, que estava por conta do protegido de Héstia.

Richard avançou e, criando uma barreira de fogo e atirando mais três esferas. Seu oponente estava ferido e, depois daquilo ainda mais. Principalmente pelo fato de Richard acertar um corte na perna do adversário, impedindo-o de se mover com rapidez.

– Ok. Ok. Vocês venceram. Não sei quem fez esse estrago aqui, aquela náiade fui eu quem atacou, mas ela já estava envenenada. Encontrei esse frasco perto do rio. As barreiras estão fracas, por isso entramos.

Os semideuses pegaram o frasco e levaram-no para a Casa Grande ou seria devidamente analisado o seu conteúdo. Enquanto isso, a criatura foi embora, não para muito longe, pois não era capaz disso.

2. Situação

Claire W. Eisenhardt
PV: 240/260
PM: 230/260
PR: 250/260

Richard N. Rider
PV: 240/280
PM: 50/280
PR: 265/280

Samuel Parker
PV: 200/260
PM: 235/260
PR: 250/260

Cão Infernal
Eliminado

Corrompido Vidente
Foi embora.

3. Recompensas


Claire W. Eisenhardt
PV: 240/260
PM: 230/260
PR: 250/260
300 xp
50 dracmas
+5 de fama

Richard N. Rider
PV: 240/280
PM: 50/280
PR: 265/280
350 xp
50 dracmas
+7 de fama (o ato de não matar o oponente foi nobre)

Samuel Parker
350 xp
50 dracmas
+ 5 de fama

4. Off-Game

Vocês têm 48 horas para fazer um post de recuperação.

p
r
i
m
e
i
r
o
s

p
a
s
s
o
s

Convidado

Convidado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Primeiros Passos - A walk around the lake

Mensagem por Samuel Parker em Seg Mar 23, 2015 6:12 pm


I'M A STAR, BABY




Eu já estivera em uma situação parecida antes. Havia levado uma garota para um parque quando acabara sendo mordido por um pitbull. Desta vez eu havia levado uma garota - e um garoto - para uma floresta e acabara arranhado por um cachorrinho de Satanás. Na vida real, a garota passara o tempo todo cuidando de mim, algo bem fofo. No mundo dos semideuses, a garota havia me salvado. Após ter feito o animal sumir, ela ficava me olhando. Ela me estendia a mão. desculpa, precisava por isto ;-;

- Geralmente é o cavalheiro que salva a dama. - a fitava com os olhos quase fechados - Mas isso também serve. - dizia, erguendo minha mão e aceitando sua ajuda. - Richard, poderia pegar minhas flechas para mim?

Havia completado a missão. Agora era voltar para o acampamento e entregar o frasco.

Spoiler:
OBSERVAÇÕES:
Eu TIVE que fazer um post de despedida. Sinto muito por qualquer coisa. q
ARMAS:
• Arco Flamejante [Bronze Celestial // Arco forjado em bronze celestial e extremamente leve que se torna um anel quando não está em uso. É capaz de encantar as flechas com calor intenso, aumentando o dano e podendo causar queimaduras ao atingir seu alvo // Presente de reclamação de Apolo]. ATIVO / Na mão direita de Samuel Parker.
- 30 Flechas [Bronze Celestial e Madeira // Flechas encantadas com ponta de bronze celestial que, duas vezes por missão podem tornar-se vultos diante da visão do inimigo, tornando-se praticamente imperceptíveis a olho nu // Presente de reclamação de Apolo].

• Luvas Solares [Bronze Celestial // Luvas feitas em bronze celestial que são capazes de gerar ao redor do usuário uma barreira de calor, queimando tudo que se aproxima, desde flechas à outros semideuses, a barreira dura um turno e pode ser usada duas vezes por missão. Transformam-se em pulseiras quando não estão em uso // Presente de reclamação de Apolo].
PODERES:




copyright 2013 - All Rights Reserved for [url=http://cupcakegraphics.forumeiros.com/u1] ✖ Lari
Progênie de Apolo
Progênie de Apolo
avatar
Samuel Parker
Idade : 21

Ficha do personagem
PV:
460/460  (460/460)
PM:
460/460  (460/460)
PR:
460/460  (460/460)

Ver perfil do usuário https://www.youtube.com/user/cueiozumbi

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Primeiros Passos - A walk around the lake

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum