[Arena] Segunda Arena de Combates: Damon x Pietro

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Arena] Segunda Arena de Combates: Damon x Pietro

Mensagem por Tártaro em Sab Ago 22, 2015 3:20 pm

1. Ambientação da Arena


As arquibancadas são protegidas por magia, impedindo que qualquer espectador saia ferido, no mais próximo do combate existe uma cabine especial para os Deuses. A arena é longa e oval, como um Coliseu Romano, alto e espaçoso tem uma área florestal bem fechada. Para todos os efeitos os espectadores conseguem ver através das arvores e saber o que está acontecendo, devida a magia de proteção. A floresta é de arvores altas e quase nenhuma luz solar penetra por ela: existe uma clareira grande no centro da arena. Bem úmida e com os mais diversos tipo de flora, a floresta não apresenta perigo aos participantes, mas da uma condição completamente insana de combate. O relevo varia muito, mas o chão é plaino e cheio de folhas, gravetos, etc. De todas as formas pode se dizer que é fácil tropicar nas raízes das grandes arvores ali presentes.

2. Regras de combate


Tirando as regras do torneio, existem as regras de combate que serão postas aqui e não precisarão ser lembradas no decorrer da luta:


  • O combate sera realizado em turnos, seguindo o formato; Narrador, um player, outro player. A ordem de quem postar primeiro não fara diferença, sera avaliado também os movimentos como um todo e sera dado a narração.
  • É terminantemente proibido fazer um movimento e narrar como se tivesse certeza que acertou, não narre as lutas, faça seus movimentos, eu dou o veredito, portanto use: Tentei; e sinônimos.
  • Todos os itens, poderes e habilidades, tanto provenientes do progenitor e do evento, devidamente organizados em Spoiler, isso é de vital importância para um bom desenrolar de combate.
  • Colocar um resumo das ações, separado dos itens, etc, para que eu possar pegar dinamicidade da batalha.
  • Tudo é permitido na Arena: Mortes, aleijamentos, decapitações, etc. Desde que dentro do combate siga as regras, tanto do torneio, quanto desta lista.
  • O combate sera realizado em turnos, seguindo o formato; Narrador, um player, outro player. A ordem de quem postar primeiro não fara diferença, sera avaliado também os movimentos como um todo e sera dado a narração.
  • É terminantemente proibido fazer um movimento e narrar como se tivesse certeza que acertou, não narre as lutas, faça seus movimentos, eu dou o veredito, portanto use: Tentei; e sinônimos.
  • Todos os itens, poderes e habilidades, tanto provenientes do progenitor e do evento, devidamente organizados em Spoiler, isso é de vital importância para um bom desenrolar de combate.
  • Colocar um resumo das ações, separado dos itens, etc, para que eu possar pegar dinamicidade da batalha.
  • As demais regras podem ser encontradas aqui.




A
R
E
N
A
Deuses
Deuses
avatar
Tártaro
Título : Indefinido

Ficha do personagem
PV:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
PM:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
PR:
99999990/9999999  (99999990/9999999)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Arena] Segunda Arena de Combates: Damon x Pietro

Mensagem por Tártaro em Seg Ago 24, 2015 2:30 pm

1. Narração


O alvoroço era geral, o campeonato finalmente havia começado, as pessoas mal podiam acreditar. Ninfas de todos os tipos, deuses, semideuses, e alguns outros habitantes do Olimpo e até mesmo do mundo inferior lotavam as arquibancadas. Quando a primeira luta acabou, eles mal podiam acreditar no vencedor. Agora a segunda luta iria ser iniciada, ninguém queria esperar. De todas as formas o clima estava tenso na arena, por alguns instantes tudo ficou em pleno silencio, arena brilhou intensamente, assumindo uma cor dourada, impedindo a visão dos que estavam na arquibancada, e quando voltou ao normal uma outra arena havia no lugar; esta era uma floresta.

...

"Anunciamos que a segunda luta vai começar: Damon, indefinido e Pietro, de Afrodite, se enfrentando numa batalha mortal", as palavras de Afrodite ainda ressoavam na cabeça dos jovens. Ambos respiraram fundo e de dentro do arsenal, onde todos os participantes aguardavam sua luta, eles se encararam, cada um pegou seus equipamentos. A hora de se despedir era agora, o nervosismo tomava conta, além da responsabilidade de fazer um espetáculo, os dois semideuses tinham que pensar em como alcançariam a vitoria e o que fariam para se manter vivo.

Ambos saíram do arsenal um do lado do outro e acessaram um corredor, lá estava uma pequena placa dizendo: "Pietro e Damon, por aqui", seguida por uma seta vermelha que indicava a direção pra onde deveriam ir para acessar a arena. Estava claro que aquele painel digital iria mudar, assim como, ao atingir o final do corredor, o painel acima das portas, cada uma delas dizendo: "Pietro, por aqui" e a outra "Damon, por aqui". Não entendiam por que haviam duas portas, uma pra cada um, mas logo entenderam. Foi anunciado a entrada dos dois e eles logo sacaram que cada uma das portas dava pra um lado da arena. Era agora: O nervosismo tomou conta do esqueleto e cada um adentrou a sua porta, saindo ambos na entrada da floresta, Damon pela esquerda e Pietro pela direita.


2. Adendos


Segue todos as instruções e afins:


  • Não atacar ainda, ambos devem narrar que saíram da sua porta e se posicionaram, mas sem começar a atacar. Aonde vocês querem ficar na arena é da conta de vocês, mas fugir não vai dar certo, a intenção é combate direto.
  • Não precisam narrar tudo que foi dito no post, fica a critério de vocês, onde começar, onde parar, mas a narração de vocês tem que começar no minimo da saída na porta, o resto não é obrigatório.
  • Vocês devem colocar tudo que foi posto na ficha de inscrição, desde itens até as habilidades, em MP, seguindo a instruções do post acima deste.
  • Vocês tem até quinta-feira (27), ás 19:00 horas pra postar; mas quanto mais rápido postarem, mais rápido eu posto.
  • Deixar de postar sem justificar não é bom. Vocês podem ficar até duas rodadas sem postar no torneio, depois disso estão nas mãos de seu adversário, onde estes podem fazer o que quiserem com você. (Exemplo: Não postei na intro, não postei no primeiro round, seu oponente narra o que quiser no segundo e se você não postar é concretizado, se postar sairá no minimo machucado)
  • Qualquer necessidade: MP ou Skype (gabrielcintram)
  • As demais regras podem ser encontradas aqui/no post acima.


i
n
t
r
o
Deuses
Deuses
avatar
Tártaro
Título : Indefinido

Ficha do personagem
PV:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
PM:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
PR:
99999990/9999999  (99999990/9999999)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Arena] Segunda Arena de Combates: Damon x Pietro

Mensagem por Pietro P. Beaumont em Qua Ago 26, 2015 2:25 pm



Olympus Tournament
Tension and Silence...
 
Ainda me sentia estranho por estar alí, em uma situação como aquela. A verdade era que nunca gostei muito de batalhas, e ainda assim me inscrevi para um torneio no qual eu sabia que teria que lutar. É, aquilo era realmente complicado, mas acho que no final das contas só o fiz para poder ver minha mãe mais de perto.

A primeira luta já havia iniciado, sendo anunciada por ninguém menos do que a Deusa do Amor, e mesmo curioso decido não assistí-la para não perder a concentração. No arsenal, começo a me preparar para quando chegasse a minha vez, mesmo desejando que isso demorasse um pouco para acontecer. Visto a couraça de uma armadura dourada e pego o capacete correspondente a ela, optando por priorizar a velocidade e leveza naquele combate.

Com o capacete debaixo do braço, sigo para a área onde estavam dispostas as armas disponíveis para nós, evitando olhar por muito tempo para os demais semideuses à minha volta. A primeira coisa que me chamou a atenção foi meu tão amado chicote, o qual apanho e deixo acoplado em minha cintura antes de procurar por uma outra arma. Estava em dúvida do que escolher, e inicialmente descarto as que menos me agradavam, sobrando por fim apenas um florete e um arco e flechas. Ambas as armas me agradavam muito, e eu não fazia ideia de que tipo de ambiente eu lutaria, portanto acabo escolhendo a primeira, colocando-a do lado oposto ao chicote.

Os minutos passam como se fossem horas, a gritaria do lado de fora era clara e demonstrava que a batalha inicial estava interessante - ou ao menos foi isso que pude supor. Sento em um banco qualquer e respiro fundo, tendo minha mente bombardeada por milhares de pensamentos - predominantemente negativos - que deixavam evidente em meu rosto toda a insegurança que eu sentia.

Então sinto como se uma descarga elétrica percorresse todo o meu corpo no momento em que ouço novamente a voz angelical de minha mãe, anunciando a segunda luta. Era minha vez, e eu teria que lutar contra alguém chamado Damon. "Droga..." Penso, mordendo o lábio inferior enquanto me levantava, sentindo um leve frio na barriga conforme a ansiedade se fazia presente. Caminho em passos lentos até a porta, vendo o rapaz que eu enfrentaria fazer o mesmo. Eu não o conhecia, talvez tivesse o visto uma vez ou outra pelo acampamento, mas não me lembrava de já termos conversado.

Em silêncio, acompanho Damon pelo corredor onde havia uma placa nos informando o caminho, até que ao fim deste encontramos duas portas, cada uma com um dos nossos nomes sobre si. Volto-me para meu futuro oponente e tento esboçar um sorriso, por mais que claramente estivesse com medo do que aconteceria a seguir. - Bonne chance. - Digo em minha lingua materna, colocando o capacete sobre minha cabeça antes de seguir pela porta que me era designada.

O som dos meus passos ecoava pelo escuro corredor em que eu me encontrava, até que adentro a arena, me deparando com uma densa floresta. Surpreso com o campo de batalha escolhido pelos Deuses, corro os olhos pelos arredores, notando a baixa iluminação do local devido às grandes árvores presentes no mesmo. Dou mais alguns passos, cuidadosa e silenciosamente enquanto ainda prestava atenção no ambiente, analizando-o de forma a poder me localizar quando necesário.

Diversos galhos estavam espalhados pelo chão, e isso era um problema visto que eu não queria fazer barulho algum ao caminhar, portanto tentava não quebrar nenhum deles. Cuidadosamente retiro meu capacete e deixo-o no chão ao lado de uma árvore, passando a me concentrar em meus sentidos. A batalha já havia iniciado, e para não ser surpreendodo pelo oponente tento captar algum som que pudesse denunciar sua localização, buscando sempre me manter escondido atrás das árvores.

Informações:
Equipamentos:
Armas:
• Florete [Aço // Florete forjado totalmente em aço. Sua lâmina é fina e possui fio em apenas um dos lados, apesar de não ser tão bom em corte. Sua especialidade é a perfuração, já que a lâmina fina tem facilidade em penetrar a pele e em locais de difícil acesso entre peças de armaduras.] –

• Chicote [Couro e Aço // Chicote de couro com um prisma metálico feito em aço em sua ponta. Possui três metros de comprimento.] –
Escudo:
• Broquel [Aço // Pequeno escudo arredondado que se acopla no antebraço, protege apenas aquela região, tendo apenas quinze centímetros de diâmetro.]
Armadura:
• Elmo da Glória [Ouro Imperial // Capacete metálico que protege a cabeça e as laterais do rosto, deixando apenas a parte frontal exposta. Feito completamente de Ouro Imperial, tem penachos dourados no melhor estilo espartano.] –

• Couraça da Glória [Ouro Imperial // Peitoral de armadura feito em Ouro Imperial, protegendo o tronco, os ombros e com um saiote metálico que protege as coxas e a cintura.]
Habilidades:
• Super Ágil - O semideus é extremamente rápido, se movendo com grande velocidade e seus movimentos além de bem rápidos são muito ágeis, assim como os filhos de Hermes.

• Reflexos gatunos - Assim como os filhos de Dionísio o semideus consegue reagir como um felino, tem resposta rápida a todo tipo de movimento, como um verdadeiro gato, mais isso não o torna mais veloz, só o torna um guerreiro de super reflexos.

• Mega Sentidos - Todos os sentidos do semideus são extremamente aguçados, audição, olfato, tato, visão e paladar tem o triplo da capacidade de um humano normal, pode escutar os mais mínimos sons, sentir cada vibração e sentir todo tipo de cheiro a grandes distancias, além de poder ver como um animal, focando e desfocando, com um maior campo de visão.

The Beauty is In the Eyes of the Beholder.

@Lilah


Progênie de Afrodite
Progênie de Afrodite
avatar
Pietro P. Beaumont
Título : Indefinido
Idade : 19

Ficha do personagem
PV:
380/380  (380/380)
PM:
380/380  (380/380)
PR:
380/380  (380/380)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Arena] Segunda Arena de Combates: Damon x Pietro

Mensagem por Damon Owen McKnight em Qua Ago 26, 2015 9:51 pm


tournament
its owen mcknight, bitch


O
s deuses tinham organizado algo para o próprio divertimento à custa de meros mortais, apesar de não obrigatório. O Torneio nada mais era que uma distração para o real problema lá em baixo... e como nós precisávamos disso. Não sei se agradecia ou criticava essa atitude, mas tinha certeza que em coisa boa não acabaria. Outra preocupação que eu tinha era se eu teria que matar alguém. Seria realmente necessário? Eu chegaria a esse ponto para ganhar? Enquanto a primeira batalha rolava eram dúvidas que me surgiam. Eu negaria a minha própria moral em nome de um torneio? Passei alguns minutos batalhando comigo mesmo, tentando prever o futuro, talvez arranjando desculpas para justificar caso eu venha a realmente matar alguém. Respirei fundo e fui me arrumar, não tinha tempo para esse tipo de coisa, não agora. Era hora de crescer e assumir minhas atitudes.

Meus passos eram firmes e duros, eu transbordava tensão apenas no andar, eles ecoavam em todo o local. O arsenal era completo, apesar de apenas dois tipos de armadura, a imensidão de variedade e quantidade de armas era incrível. Meus olhos reluziram, mas me foi instruído levar apenas dois, então assim o fiz. Minha mão foi até o arco de madeira como instinto e o pegou, tiro a distâncias nunca foi meu ponto forte, mas eu sentia como se esse estilo fizesse parte de minha rotina diária há muito tempo, peguei também uma aljava com as flechas e a coloquei transversalmente em minhas costas de modo que eu pudesse pegar as flechas com a mão direita. Puxei o sabre do mostruário, por ser mais leve me permitiria golpes mais rápidos. Não saí antes de também acoplar um broquel no braço esquerdo. Não estava muito certo com a escolha, seria o suficiente para me levar até a vitória? Não foi feita pensando, foi tudo muito... espontâneo. Dúvida pairava em minha cabeça, mesmo eu não permitindo. Fui até as armaduras e peguei apenas três peças douradas do total, elas protegeriam meu peitoral e toda a parte inferior, que era o que eu achava de mais importante. Vesti a couraça, as grevas e as botas, uma após a outra, estava pronto. Eu acho.

A primeira batalha acabara de terminar, o ganhador pouco me importava, minha única preocupação era ganhar. Não podia envergonhar o nome de meu pai na frente de todos os deuses e outros seres que se fizeram presentes para assistir o Torneio. A ideia de minha mãe estar ali era outro motivo para eu fazer um espetáculo, eu estava encurralado e agora não podia simplesmente sair correndo. Em minha mente eu passava e repassava diferentes estratégias para ganhar aquela partida. Meu oponente era um filho de Afrodite, assim como o lutador anterior, Pietro era seu nome. Nunca tinha visto ou ouvido falar sobre, talvez o pouco tempo que passei no Acampamento fosse responsável por isso. Sabia que ele não poderia usar seus poderes contra mim, o que tornava meu combate um poucos menos tenso, mas ainda assim eu teria que tomar cuidado. Eu olhava para o garoto de canto, me atentando para que ele não percebesse. Suas feições bem desenhadas, perfeitas, um belo exemplo de filho de Afrodite.

Caminhei até a placa que piscava nossos nomes, terminando a ficar do lado do outro semideus. Tentei parecer calmo por mais difícil que fosse, a minha face estava dura e não expressava qualquer alegria. A doce voz do rapaz sonorizou uma língua diferente que eu não pude reconhecer, provavelmente européia.  Era algo parecido com "boa chance", então conclui que devia ser "boa sorte" ou alguma coisa do tipo. Acenei com a cabeça sem mudar a expressão em meu rosto — Que o melhor ganhe — me virei para o corredor e caminhei para ele em silêncio, ou parcialmente em silêncio, minhas passadas firmes ecoavam no longo corredor. Chegamos numa bifurcação onde cada um deveria ir para o local indicado pelas placas, e assim fizemos. Entrei no meu e caminhei, toda a minha preocupação e dúvida ia sendo empurrada para "debaixo do tapete", não podia pensar naquilo enquanto batalhava. Em pouco tempo pude perceber que eu estava adentrando na arena do lado oposto ao de Pietro. Respirei fundo fui até o fim, esperando pela hora da batalha, até finalmente adentrar na Arena.

A selva era abundante, altas e grossas árvores cobriam a Arena junto com uma relva baixa e má desenvolvida.  Apenas alguns filetes de luz solar passava pelas folhas da árvore, maior parte dela era bloqueada pelas altas e cheias copas das vegetações. Peguei o arco e uma das flechas e a deixei preparada, mas sem puxar a corda. Adentrei entre as árvores, tomando cuidado para não acabar tropeçando de bobeira ou pisando em algo que pudesse denunciar minha posição, e me botei atrás de um tronco próximo, tentando me esconder do meu oponente. Fechei meus olhos e me concentrei totalmente no olfato e audição, meu objetivo era descobrir se ele ia ficar parado ou ia se mover, caso ele escolhesse a segunda opção eu conseguiria tentar descobrir por onde ele estava vindo. Agora era vida ou morte, derrota ou glória, não tinha espaço para pena ou remorso.

Informações:
Equipamentos:
• Sabre [Madeira e Aço // Muito similar a uma faca, possui a lâmina suavemente curva e com fio em apenas um dos lados, feita em aço, enquanto o cabo é de madeira. Possui sessenta centímetros de comprimento.] –
• Arco [Madeira // Arco talhado em madeira com cerca de um metro de altura. É bem maleável para que dobre as pontas ao ter o cordão tensionado, dando mais pressão no tiro de suas flechas.] –
• Flechas [Madeira e Aço // Flechas de madeira com a ponta de aço, possuem cerca de quarenta centímetros de comprimento e são utilizadas como munição de arcos.]– 15 Flechas.

-x-

• Broquel [Aço // Pequeno escudo arredondado que se acopla no antebraço, protege apenas aquela região, tendo apenas quinze centímetros de diâmetro.]

-x-

• Couraça da Glória [Ouro Imperial // Peitoral de armadura feito em Ouro Imperial, protegendo o tronco, os ombros e com um saiote metálico que protege as coxas e a cintura.]
• Grevas da Glória [Ouro Imperial // Caneleiras feitas em Ouro Imperial que protegem as pernas do semideus. Ficam nas canelas e joelhos.]
• Botas da Glória [Ouro Imperial // Par de botas metálicas que compõe a armadura. Protegem os pés e os tornozelos, chegando até o início da canela. Feitas de Ouro Imperial.]
Habilidades:
• Super Ágil - O semideus é extremamente rápido, se movendo com grande velocidade e seus movimentos além de bem rápidos são muito ágeis, assim como os filhos de Hermes.

• Mega Sentidos - Todos os sentidos do semideus são extremamente aguçados, audição, olfato, tato, visão e paladar tem o triplo da capacidade de um humano normal, pode escutar os mais mínimos sons, sentir cada vibração e sentir todo tipo de cheiro a grandes distancias, além de poder ver como um animal, focando e desfocando, com um maior campo de visão.

• Mira Perfeita - O semideus tem uma mira perfeita, para atirar com bestas e arcos, ou com adagas, objetos e todo tipo de armas, o semideus não erra, não quer dizer que vai acertar todo os tiros, só que quando jogar ou atirar a ação vai ser exatamente como a planejada, se ele atira com um arco a flecha vai fazer o trajeto exato da mira.



# 1st Round

Remember my name, bitch


the brutality and sexyness is in the blood,
Owen McKnight blood
MH!
Não-Reclamados
Não-Reclamados
avatar
Damon Owen McKnight
Título : Indefinido

Ficha do personagem
PV:
100/100  (100/100)
PM:
100/100  (100/100)
PR:
100/100  (100/100)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Arena] Segunda Arena de Combates: Damon x Pietro

Mensagem por Tártaro em Dom Ago 30, 2015 8:57 pm

1. Narração


Ambos haviam entrado na arena, mas a batalha não tinha começado, de toda forma a arena estava calada, do centro da floresta uma pequena explosão artificial indicou que tudo tinha começado, agora começava oficialmente. O filho de Augustus se manteve calado, assim como Pietro, de Afrodite. Agora a luta de verdade começaria, quem estava vendo era ninguém mais que os deuses do Olimpo.

A floresta fazia sombra, assim como o pensamentos dos jovens, que se mantiveram sombrio quanto ao embate, a mente insana que cada um podia ter num risco de morte deixava um clima de tensão no ar, a batalha agora teria inicio e os movimentos seriam feitos

2. Adendos


Pietro:

Status:

PV - 300/300
PM - 300/300
PR - 300/300
Saúde:

Damon:

Status:

PV - 300/300
PM - 300/300
PR - 300/300
Saúde:
 


Segue todos as instruções e afins:


  • RESSALTANDO QUE EM BATALHAS DE RECLAMADOS AS HABILIDADES DO TORNEIO NÃO SÃO USADAS!
  • A partir de agora está permitido ações ocultas, caso não saibam seu significado, me perguntem pelos contatos MP/Skype.
  • Não precisam narrar tudo que foi dito no post, fica a critério de vocês, onde começar, onde parar.
  • Vocês devem colocar tudo que foi posto na ficha de inscrição, desde itens até as habilidades, em Spoiler, seguindo a instruções dos posts anteriores.
  • Vocês tem até sexta (03), ás 19:00 horas pra postar; mas quanto mais rápido postarem, mais rápido eu posto.
  • Deixar de postar sem justificar não é bom. Vocês podem ficar até duas rodadas sem postar no torneio, depois disso estão nas mãos de seu adversário, onde estes podem fazer o que quiserem com você. (Exemplo: Não postei na intro, não postei no primeiro round, seu oponente narra o que quiser no segundo e se você não postar é concretizado, se postar sairá no minimo machucado)
  • Qualquer necessidade: MP ou Skype (gabrielcintram)
  • As demais regras podem ser encontradas aqui/no post acima.



R
O
U
N
D
Deuses
Deuses
avatar
Tártaro
Título : Indefinido

Ficha do personagem
PV:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
PM:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
PR:
99999990/9999999  (99999990/9999999)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Arena] Segunda Arena de Combates: Damon x Pietro

Mensagem por Pietro P. Beaumont em Qua Set 02, 2015 11:12 pm



Olympus Tournament
Conflict...
 
O som de uma explosão artificial ecoou do centro da arena, dando oficialmente início a segunda batalha do torneio. A baixa luminosidade presente ao meu redor tornava o ambiente sombrio e assustador, algo que não me animava nem um pouco. Meu coração batia descompassado, resultado da tensão unida aos diversos pensamentos que insistiam em invadir minha mente. Eu sabia que não conseguiria lutar de maneira adequada se continuasse preocupado, mas só o fato de saber que a luta poderia terminar em morte me fazia hesitar. Eu não queria ser morto, tanto quanto não queria matar.

Meus passos continuavam suaves e silenciosos, mas eu não sabia ao certo para onde estava indo, apenas me mantinha atento ao redor através dos sentidos. Todo aquele suspense estava sendo torturoso, talvez ele fosse pior do que um combate direto, pois não era possível saber de onde o perigo viria e por isso teria que estar sempre alerta. Então levei a destra ao cabo do florete e o retirei de sua bainha, empunhando-o com firmeza e sutileza.

Agora meu atual objetivo era chegar ao centro da arena, tomando a explosão anterior como referência. Esperava encontrar com meu oponente por lá, pois se teríamos que lutar, adiar o inevitável seria algo totalmente inútil. A cada passo, uma pulsação mais intensa assolava meu peito, em meu rosto o medo e a insegurança eram evidentes, e meus dedos passam a apertar o cabo da arma. Naquele momento eu devia estar parecendo patético perante o público, e mesmo não querendo passar vergonha na frente de minha mãe, aquelas reações eram espontâneas.

"Que o melhor ganhe." A voz de Damon vem à minha mente em uma breve lembrança das últimas palavras que o rapaz proferiu antes de entrarmos no campo de batalha. Elas me lembravam que aquilo era uma competição, por mais que eu estivesse mais preocupado em sobreviver do que em "vencer". Em breve saberíamos o resultado, e tudo o que eu podia fazer era dar o meu melhor e torcer para tudo acabar bem.

Informações:
Equipamentos:
Armas:
• Florete [Aço // Florete forjado totalmente em aço. Sua lâmina é fina e possui fio em apenas um dos lados, apesar de não ser tão bom em corte. Sua especialidade é a perfuração, já que a lâmina fina tem facilidade em penetrar a pele e em locais de difícil acesso entre peças de armaduras.] –

• Chicote [Couro e Aço // Chicote de couro com um prisma metálico feito em aço em sua ponta. Possui três metros de comprimento.] –
Escudo:
• Broquel [Aço // Pequeno escudo arredondado que se acopla no antebraço, protege apenas aquela região, tendo apenas quinze centímetros de diâmetro.]
Armadura:
• Elmo da Glória [Ouro Imperial // Capacete metálico que protege a cabeça e as laterais do rosto, deixando apenas a parte frontal exposta. Feito completamente de Ouro Imperial, tem penachos dourados no melhor estilo espartano.] –

• Couraça da Glória [Ouro Imperial // Peitoral de armadura feito em Ouro Imperial, protegendo o tronco, os ombros e com um saiote metálico que protege as coxas e a cintura.]
Habilidades:
• Super Ágil - O semideus é extremamente rápido, se movendo com grande velocidade e seus movimentos além de bem rápidos são muito ágeis, assim como os filhos de Hermes.

• Reflexos gatunos - Assim como os filhos de Dionísio o semideus consegue reagir como um felino, tem resposta rápida a todo tipo de movimento, como um verdadeiro gato, mais isso não o torna mais veloz, só o torna um guerreiro de super reflexos.

• Mega Sentidos - Todos os sentidos do semideus são extremamente aguçados, audição, olfato, tato, visão e paladar tem o triplo da capacidade de um humano normal, pode escutar os mais mínimos sons, sentir cada vibração e sentir todo tipo de cheiro a grandes distancias, além de poder ver como um animal, focando e desfocando, com um maior campo de visão.
Ações:
Basicamente estou apenas indo em direção à clareira localizada no centro da floresta. Como ainda não encontrei meu oponente, não há nenhuma ação de ataque ou defesa.

The Beauty is In the Eyes of the Beholder.

@Lilah


Progênie de Afrodite
Progênie de Afrodite
avatar
Pietro P. Beaumont
Título : Indefinido
Idade : 19

Ficha do personagem
PV:
380/380  (380/380)
PM:
380/380  (380/380)
PR:
380/380  (380/380)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Arena] Segunda Arena de Combates: Damon x Pietro

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum